Topo
Blog do Julio Gomes

Blog do Julio Gomes

Categorias

Histórico

Z4: Ceará tem pior tabela, Flu e Cruzeiro têm torcida contra

Julio Gomes

19/11/2019 05h00

Com o título brasileiro definido e algumas vagas na Libertadores também, a grande briga da reta final do campeonato será contra o rebaixamento – até por termos três clubes tradicionais do país envolvidos na parte baixa.

O Avaí já caiu, a Chapecoense quase e o CSA ficou irremediavelmente para trás. Na outra ponta, times como Vasco, Goiás, Fortaleza e Atlético Mineiro não têm mais o que temer.

Sobram quatro clubes lutando contra a quarta posição no Z4. Botafogo, Ceará e Cruzeiro, atualmente com 36 pontos, e Fluminense, com 35.

Quem se livra? Contra quem a maioria está torcendo?

Imagino que, se fosse feita uma mega pesquisa Brasil afora, Fluminense e Cruzeiro estariam aparecendo lá em cima. O Fluminense, pela imagem de clube do tapetão, que se livrou de alguns rebaixamentos por decisões extra-campo.

Não estou discutindo se o rótulo é justo ou não, apenas constatando o fato.

E o Cruzeiro? Bem, da última vez que o Cruzeiro se livrou de um rebaixamento, em 2011, acabaria se reagrupando rapidamente e sendo bi nacional logo depois. O Cruzeiro é uma potência, certamente as outras potências do país (Flamengo, Palmeiras, Corinthians, São Paulo, gaúchos, etc) veriam com bons olhos um Cruzeiro a menos pelo caminho em 2020.

O Botafogo de hoje em dia não desperta medo nem antipatia. E o Ceará, o patinho feio nesta disputa, possivelmente tenha a torcida da maior parte do país para se livrar. A tendência de torcer pelos mais fracos é inerente ao esporte.

O Ceará, no entanto, tem tudo contra ele. Primeiramente, o futebol, que está pequenininho. Depois, a tabela, a mais difícil entre os quatro postulantes. E na última vez em que havia três times cariocas na luta para não cair, houve o que houve em 2013. Desta vez, são dois. Não subestimemos os bastidores, o olho tem de estar sempre aberto.

A tabela mais fácil, em teoria, é a do Fluminense. Mas a teoria só vira prática quando transformada em realidade. O Cruzeiro deveria ter vencido ontem o Avaí, não venceu. A teoria não virou prática, e o time de Abel, que só empata, flerta de verdade com o perigo.

Os confrontos:

Botafogo: Corinthians (c), Chapecoense (f), Inter (c), Atlético-MG (f), Ceará (c)

Ceará: São Paulo (c), Flamengo (f), Athletico-PR (c), Corinthians (c), Botafogo (f)

Cruzeiro: Santos (f), CSA (c), Vasco (f), Grêmio (f), Palmeiras (c)

Fluminense: CSA (f), Palmeiras (c), Avaí (f), Fortaleza (c), Corinthians (f)

Curioso como o Corinthians está no caminho de três deles e pode ser uma espécie de fiel da balança. Importante também observar que alguns jogos serão disputados contra times sem nada por jogar, como talvez o Botafogo contra o Atlético-MG ou o Flu contra o Fortaleza, ambos na penúltima rodada. E, claro, o duelo direto entre Botafogo e Ceará na última rodada, que pode valer a salvação.

E aí? Quem se salva?

E contra quem você está torcendo?

 

Sobre o Autor

Julio Gomes é jornalista esportivo desde que nasceu. Mas ganha para isso desde 1998, quando começou a carreira no UOL, onde foi editor de Esporte e trabalhou até 2003. Viveu por mais de 5 anos na Europa - a maior parte do tempo em Madrid, mas também em Londres, Paris e Lisboa. Neste período, estudou, foi correspondente da TV e Rádio Bandeirantes e comentarista do Canal+ espanhol, entre outras publicações europeias. Após a volta para a terrinha natal, foi editor-chefe de mídias digitais e comentarista da ESPN e também editor-chefe da BBC Brasil. Já cobriu cinco Copas do Mundo e, desde 2013, está de volta à primeira das casas.

Sobre o Blog

Este blog fala (muito) de futebol, mas também se aventura em outros esportes e gosta de divagar sobre a vida em nossa e outras sociedades.

Blog do Julio Gomes