Topo
Blog do Julio Gomes

Blog do Julio Gomes

Categorias

Histórico

Flamengo erra se levar qualquer titular ao jogo contra o Grêmio

Julio Gomes

15/11/2019 07h00

O Flamengo e Jorge Jesus cometerão um grave erro se qualquer titular pisar no gramado da Arena Grêmio, em jogo válido pelo Brasileiro, neste domingo.

Três já estão suspensos – Bruno Henrique, Gerson e Arão. E os outros deveriam ficar em casa. Se bobear, nem o treinador português deveria ir. O melhor a fazer é preparar o jogo contra o River Plate, o jogo mais importante para o Flamengo em quase quatro décadas, a final de uma Libertadores da América. Aproveitar cada minuto.

Desde a goleada sofrida no Maracanã, o Grêmio se recuperou rapidamente e venceu cinco jogos seguidos, se consolidando no G4 do Brasileiro. É inevitável a sede de vingança de time e a torcida, ainda que sejam campeonatos diferentes.

Será um jogo duro em Porto Alegre, tenso, com ambiente hostil. Levar o time titular não é garantia alguma de sair com um ponto do Sul – só é garantia de cansaço e possibilidade de alguma lesão.

Qual o pior cenário para o Flamengo? Perder. Que, repito, pode acontecer até com os titulares. E o Palmeiras ganhar do Bahia (fora) e do Grêmio (em casa) – que também são jogos difíceis, mas vá lá, vamos considerar que o Palmeiras vença ambos.

Se tudo isso acontecer, o Flamengo voltaria de Lima com 5 pontos de vantagem e teria um jogo em casa contra o Ceará antes do confronto direto contra o Palmeiras. Vamos imaginar que perca esse jogo no Allianz. O seguinte seria contra o Avaí, no Maracanã.

Ou seja, não tem muito fantasma. Se o Palmeiras vencer todos os seus jogos até o final do campeonato e o Flamengo perder essa partida contra o Grêmio, o título ainda viria com vitórias contra Ceará e Avaí e um empate contra o Santos na última rodada.

Não há, pois, razão alguma para arriscar.

Jorge Jesus mostrou para todos nós que é possível, sim, encarar o calendário brasileiro com mais coragem, poupando menos e rodando o time de leve, sem exageros. Mas tem limite.

O Flamengo já mostrou, desde os 5 a 0 da semifinal, sinais de desgaste. Foi um time nitidamente cansado no quarto final do jogo contra o Vasco, por exemplo.

Agora o jogo contra o River está perto demais, qualquer mínima lesão ou pancada significará desfalque. É hora de gastar cada minuto preparando a final, pensando neste jogo, que pode entrar para a história do clube. O Flamengo não tem reservas à altura para nenhuma posição, o 11 titular precisa ser preservado.

Neste fim de semana e até o dia 23, o Flamengo tem de esquecer do Brasileiro. Qualquer coisa diferente disso é burrice.

 

Sobre o Autor

Julio Gomes é jornalista esportivo desde que nasceu. Mas ganha para isso desde 1998, quando começou a carreira no UOL, onde foi editor de Esporte e trabalhou até 2003. Viveu por mais de 5 anos na Europa - a maior parte do tempo em Madrid, mas também em Londres, Paris e Lisboa. Neste período, estudou, foi correspondente da TV e Rádio Bandeirantes e comentarista do Canal+ espanhol, entre outras publicações europeias. Após a volta para a terrinha natal, foi editor-chefe de mídias digitais e comentarista da ESPN e também editor-chefe da BBC Brasil. Já cobriu cinco Copas do Mundo e, desde 2013, está de volta à primeira das casas.

Sobre o Blog

Este blog fala (muito) de futebol, mas também se aventura em outros esportes e gosta de divagar sobre a vida em nossa e outras sociedades.

Blog do Julio Gomes