Blog do Júlio Gomes

Por onde anda Messi?

Julio Gomes

Messi anda. Isso é assim faz tempo. Messi é um gênio. Possivelmente o melhor jogador que já vi. Mas aquele Messi já era. Sim, o Messi atual continua fazendo gols e jogadas sensacionais com a camisa do Barcelona eventualmente. Mas, mesmo no Barça, já anda. Joga às vezes. Some outras vezes. O tempo passa para todos, e a motivação de fazer coisas acontecerem vai ficando para trás.

Messi andou durante todas as eliminatórias sul-americanas. E Messi está andando na Rússia.

É claro que, quando a bola chega a seus pés, o mundo para. Prendemos a respiração. Esperamos por algo. Mas esse algo raramente vem quando o uniforme é azul e branco.

Uma palavra que adoro no castellano. ''Chispa''. Messi não tem mais chispa. Não explode. Não quer.

Isso não faz dele nem um pouco menos. Continua sendo o Pelé dos nossos tempos. Um gênio. Mas… passou.

A Argentina ficará virtualmente eliminada da Copa se a Islândia vencer a Nigéria na sexta. Até um empate fará com que ela não dependa mais de si. Para que haja alguma chance de evitar a tragédia, o melhor é a Nigéria ganhar amanhã. Neste caso, bastaria à Argentina vencer os nigerianos no último jogo. Isso tudo para provavelmente enfrentar a França nas oitavas de final.

A tragédia estava anunciada fazia tempo. Eu avisei no blog logo depois do sorteio. E repeti depois do treino que acompanhei em Moscou.

Este é um time nervoso, desarrumado, sem confiança algum, sem qualquer sinal de positividade e espírito vencedor. É um time com Willy Caballero no gol. Não se passa uma Copa impunemente com um goleiro de 36 anos e carreira tão insignificante.

E é um time em que Messi anda. É a tragédia mais anunciada da história recente das Copas. Não sei de onde tiravam que a Argentina era uma das favoritas. Isso aí não tem solução.