Blog do Júlio Gomes

Botafogo viaja menos até volta da Libertadores; veja a tabela de cada um

juliogomes

A semana foi intensa para os times brasileiros vivos na Libertadores, mas a competição só volta daqui a um mês. Grêmio, Santos e Botafogo conseguiram importantes vitórias fora de casa e estão pertinho das quartas de final. Palmeiras e Atlético-MG terão de reverter derrotas mínimas sofridas fora, enquanto o Atlético-PR é quem vive pior situação. Um cenário bem possível, hoje, é de vermos cinco brasileiros e três argentinos nas quartas.

Mas como estarão esses times todos daqui a um mês? Podem haver lesões, contratações, saídas e, por que não, até mesmo técnicos demitidos até lá.

Se juntarmos os mata-matas de Copa Libertadores e Copa do Brasil, veremos que o Grêmio é o único time que venceu nas duas competições e é favoritíssimo para seguir em ambas – até porque, resultados à parte, joga um grande futebol. O Atlético-PR, por sua vez, é o único que perdeu nas duas e dificilmente sobrará algo mais do que o Brasileiro, dentro de um mês, para o Furacão.

Palmeiras e Atlético-MG terão paradas duras na Copa do Brasil, fora de casa, antes de precisarem reverter, em seus domínios, as derrotas sofridas nesta semana pela Libertadores. O Santos está vivíssimo na Libertadores, mas em situação dura na Copa do Brasil. Mesmo cenário para o Botafogo. Ambos jogarão as partidas decisivas em casa, mas podendo administrar na competição sul-americana e tendo de buscar um resultado adverso na nacional.

O blog lista abaixo a tabela de jogos dos seis times brasileiros vivos tanto nas oitavas da Libertadores quanto nas quartas da Copa do Brasil. Nos próximos 35 dias, todos estarão em ação sempre, em fim de semana e meio de semana, e terão de administrar a maratona em três competições. Serão 10 jogos para cada.

Botafogo e Santos jogam 6 em casa e 4 fora, mas o primeiro ainda tem a vantagem de fazer um clássico contra o Fluminense. De todos eles, o Botafogo é quem menos viaja. Os outros – Palmeiras, Grêmio e Atléticos – fazem 5 partidas em casa e 5 fora.

O Grêmio, que vive a melhor situação, poderá evitar jogar com o time reserva no Brasileiro, como fez contra o Palmeiras. Poderá mesclar para poupar um ou dois (em vez do time todo). Ou, talvez, escolher um duelo mais ''ganhável'' para seu time B. Na minha visão, o jogo ideal para poupar titulares é justamente o próximo, em casa contra o Avaí, antes do duelo fundamental contra o Flamengo, no Rio, no meio da próxima semana.

O Palmeiras, com elenco mais parrudo, dificilmente poupará todo mundo de uma vez. Cuca vai administrar e terá duelos diretos contra Corinthians e Flamengo nas próximas duas quartas-feiras. Depois do confronto contra o Cruzeiro, pela Copa do Brasil, jogará três de quatro jogos em sua arena, onde não perde há um ano.

O Santos tem três pedreiras agora, depois dois jogos em casa antes de tentar reverter na Copa do Brasil, contra o Flamengo. Novamente duas pedreiras no Brasileiro e um jogo mais tranquilo, contra o Avaí, antes da Libertadores.

O Atlético Mineiro tem uma tabela amigável nas próximas cinco rodadas do Brasileiro, com três jogos em casa e um fora contra o lanterna. Mas, ensanduichados entre os jogos de mata-mata contra Botafogo (26/7) e Jorge Wilstermann (9/8), enfrenta os dois atuais ponteiros do campeonato, Corinthians e Grêmio. Os 10 primeiros dias de agosto serão determinantes para a temporada do Galo. O desempenho anterior no Brasileiro determinará se Roger acabará levando força máxima para enfrentar os líderes ou se abrirá, de vez, mão do campeonato para focar na Libertadores.

O Botafogo, rival do Galo na Copa do Brasil, terá duas sequências de três jogos no Rio de Janeiro e é quem menos viaja. E, além do mais, provavelmente mandará time reserva para as partidas que fará fora, contra Atlético-GO e Cruzeiro, imediatamente antes das partidas decisivas contra Atlético-MG e Nacional-URU. O time de Jair Ventura sabe o que quer em campo, está com muita confiança nos jogos grandes e pode continuar sonhando com tudo. A tabela não é propriamente uma inimiga no próximo mês.

O Atlético-PR é quem está em situação mais delicada no mata-mata. Virtualmente eliminado da Copa do Brasil e precisando vencer o Santos por dois gols, fora de casa, na Libertadores. Será um mês de viagens curtas e a segunda quinzena de julho sem sair de Curitiba. Tempo para Eduardo Baptista trabalhar melhor e tentar uma série de vitórias para sonhar, no Brasileiro, com vaga na Libertadores do ano que vem.

Os jogos de cada um no próximo mês.

ATLÉTICO-MG

9/7 Botafogo x Atlético-MG
12/7 Atlético-MG x Santos
16/7 Atlético-GO x Atlético-MG
19/7 Atlético-MG x Bahia
23/7 Atlético-MG x Vasco
26/7 Botafogo x Atlético-MG (Copa do Brasil, 0-1)
30/7 Coritiba x Atlético-MG
2/8 Atlético-MG x Corinthians
6/8 Grêmio x Atlético-MG
9/8 Atlético-MG x Jorge Wilstermann-BOL (Libertadores, 0-1)

ATLÉTICO-PR

9/7 Chapecoense x Atlético-PR
12/7 Atlético-PR x Cruzeiro
15/7 Corinthians x Atlético-PR
20/7 Atlético-PR x Botafogo
23/7 Atlético-PR x Ponte Preta
27/7 Atlético-PR x Grêmio (Copa do Brasil, 0-4)
31/7 Vasco x Atlético-PR
3/8 Atlético-PR x Avaí
6/8 Palmeiras x Atlético-PR
10/8 Santos x Atlético-PR (Libertadores, 3-2)

BOTAFOGO

9/7 Botafogo x Atlético-MG
12/7 Fluminense x Botafogo
17/7 Botafogo x Sport
20/7Atlético-PR x Botafogo
23/7Atlético-GO x Botafogo
26/7 Botafogo x Atlético-MG (Copa do Brasil, 0-1)
29/7 Botafogo x São Paulo
2/8 Botafogo x Palmeiras
6/8 Cruzeiro x Botafogo
10/8 Botafogo x Nacional-URU (Libertadores, 1-0)

GRÊMIO

9/7 Grêmio x Avaí
13/7 Flamengo x Grêmio
16/7 Grêmio x Ponte Preta
19/7 Vitória x Grêmio
24/7 São Paulo x Grêmio
27/7 Atlético-PR x Grêmio (Copa do Brasil, 0-4)
30/7 Grêmio x Santos
2/8 Atlético-GO x Grêmio
6/8 Grêmio x Atlético-MG
9/8 Grêmio x Godoy Cruz-ARG (Libertadores, 1-0)

PALMEIRAS

9/7 Cruzeiro x Palmeiras
12/7 Palmeiras x Corinthians
16/7 Palmeiras x Vitória
19/7 Flamengo x Palmeiras
23/7 Sport x Palmeiras
26/7 Cruzeiro x Palmeiras (Copa do Brasil, 3-3)
29/7 Palmeiras x Avaí
2/8 Botafogo x Palmeiras
6/8 Palmeiras x Atlético-PR
9/8 Palmeiras x Barcelona-EQU (Libertadores, 0-1)

SANTOS

9/7 Santos x São Paulo
12/7 Atlético-MG x Santos
16/7 Vasco x Santos
19/7  Santos x Chapecoense
23/7 Santos x Bahia
26/7 Santos x Flamengo (Copa do Brasil, 0-2)
30/7 Grêmio x Santos
2/8 Santos x Flamengo
6/8 Avaí x Santos
10/8 Santos x Atlético-PR (Libertadores, 3-2)